segunda-feira, julho 28, 2008

Meditação


Além das savanas que não conheço
existirão talvez casas de taipa
iguais às do interior de meu país.

Além das terras distantes
deve haver muitas provas
das verdades que não creio.

Aonde devo ir
para encontrar as flores inimagináveis
que me restituirão alguma crença?

3 comentários:

acqua disse...

Talvez a crença em si mesma...
Bon giorno caríssima, a paisagem desta manhã brinca de nos expulsar para dentro e nos colocar para fora. Inferno seria isso? Penso eu que não...
Grata pela sua participação no Coletânea Artesanal uma vez mais, contar com sua poesia entre tantos outros escritos me permite um sorriso renovado (sempre).
Tenha um belo dia com ventos norte e sol caramelando a paisagem...

mariah disse...

...as flores inimagináveis...da Poesia...

Gosto imenso,

Bj.

mariah

Acantha disse...

Perdi-me por um bom tempo aqui...
Encantada, Adelaide querida. Encantada!