sábado, novembro 17, 2007

Farpas






Falas às vezes
como quem desembarca
de estrelas falsas.

Farpas que reencontro
nas curvas do caminho
à hora da sombra.

Falas rascantes
a quebrar em pedaços
o meu sono.

2 comentários:

Amélia disse...

Gostei, amiga.Beijo
Aguardo resposta ao deafio que coloquei na nossa lista.

Mel disse...

E por causa disso e de tudo o que vc já nos deixou, te presenteio! Vai pegar teu prêmio, vai!
:) Beijo