sábado, agosto 30, 2008

Narcísica



Nem sempre agora
posso ser o que desejei
a imagem boa de ver
a primeira vista do amor
e tudo aquilo que Narciso viu
em seu engano.

Enquanto o lago esteve cristalino
não precisei dele.

4 comentários:

Anônimo disse...

"enquanto o lago esteve cristalino"
nenhum de nós precisa muito dele, porque há coisas melhores a fazer

beijos, querida
ivan

Leila Lopes disse...

querida,
ando um pouco sem tempo de publicar, mas o lugar é o mesmo.
Beijos

Eternessências disse...

Amei este!
A questão narcísica é sempre atual!
Rose.

Marcelo Amorim disse...

Tarde demais pra chamar o Batman. Já levei :-)