quinta-feira, dezembro 16, 2010

Acontece


 












Encontrada a passagem perdida
outro viaja
e quem pagou por ela volta à fila.

7 comentários:

Zélia Guardiano disse...

Maravilha, Dade!
Conciso, preciso, lindo!
Que delícia, logo cedinho, uma leitura assim...
Grata, minha querida!
Beijos

Assis Freitas disse...

que sabe não era aquela a ida,

beijo

Mai disse...

Sempre acontece...
Dade, gosto muito desses versos que engolem todas as palavras.

só resta o espanto e o silêncio - mera constatação.

Genial!

Marcantonio disse...

Humm, isso dá o que pensar!

Beijo.

Mirze Souza disse...

A própria vida aqui descrita!

Uma beleza, Dade!

Beijos

Mirze

Antonio Carlos disse...

Seus poemas, são difíceis de interpretar, mas o que eu pude sentir neste, é sobre a morte, a passagem da vida, mesmo sem entender muito, achei belo.
Abraços

Anônimo disse...

Acontece com muito mais frequência do que se imagina. Quase diria que c'est la vie...

Beijo do Ivan.