sexta-feira, junho 28, 2013

outono



o outono entrou pelo verão a dentro
como se o calor perdesse o alento
- o sol cansou de ser o centro

7 comentários:

José Carlos Sant Anna disse...

A singeleza brota aqui com facilidade!
Abr., Dade,

Fred Caju disse...

Bem na mira, apesar do sol ter cansado do centro... E bem que ele poderia ir mais pra esquerda pra ver se alguma coisa melhora.

Adri Aleixo disse...

Delicioso Haikai!

Beijocas carinhosas, Dade.

Fred Caju disse...

Ah, tomei a liberdade: http://cronisias.blogspot.com.br/2013/06/sexta-tem-soneto_28.html

Assis Freitas disse...

maravilha




beijo

Ira Buscacio disse...

Dade, que maravilha!

Um outono pode tanto que até Deus duvida.
bj grande

teca disse...

Preciosa sensação em letras...

Beijos.