terça-feira, junho 22, 2010

Brincadeira



Imagem Ana Maria Niemeyer.



Palavras
asas e manhas
capoeira.

Gato e sapato

nem sempre são
bichano e artefato.




dade amorim
Poema reeditado


***


Poema-amigo

Se penso em Líria, penso palavras certeiras/espertas/eficazes.
Ela é assim: lírica Líria sagaz, e aporta breve ao Porto mais seguro dos poemas bem resolvidos.
Um prazer, sempre.



dos pesos e desmedidas

líria porto


boa voz
talentosa
bonita
rica
e a outra
dio santo
desamada
desprovida

) vário
é o desígnio
do adeus (

5 comentários:

líria porto disse...

amore - obrigada! deixaste-me comovida!
besos

Assis Freitas disse...

Líria e Dade entreversos é bom demais da conta,

beijos

Mirze Souza disse...

Uma beleza seu poema, Dade!

Líria será eterna!

Beijos

Mirze

Lara Amaral disse...

Dade, você disse muito bem sobre a Líria, êta moça certeira!

E vc também, sempre acerta em cheio e é pura doçura =).

Beijo.

nydia bonetti disse...

Líria é grande, Dade. Tem aquilo que Quintana chamava de "a voz identificável" - poemas com uma identidade muito forte - e belos. beijos, beijos.