sexta-feira, julho 22, 2011

Rogativa


Tudo que peço
é o necessário
peixe de festa
e no teu rosto
um riso.

Nas mãos
as flores
a vida disponível.

9 comentários:

MIRZE disse...

Muito LINDO, Dade!


Não sei porque me senti estranha. Talvez pelas flores nas mãos e pelo tudo que peço.

Beijos

Mirze

Camilla disse...

Dade, seus poemas estão melhores a cada dia. Esse tem alguma coisa que me fala de um modo intenso, profundo. Acho que é o que todos queremos, a festa, as flores, o que quer dizer o amor.
Beijos.

Ivan disse...

Dade, esse é um bom exemplo de poema daquele de que fala o Rogério Luz: a realidade não se atinge com palavras.

Beijos.

Úrsula Avner disse...

Oi Dade,

sempre muito bom te ler... Beijão.

Luana disse...

Simplesmente lindo!

Bjs

Luiza Maciel Nogueira disse...

Maravilhoso Dade esse ecoou bem fundo aqui no coração e roubaram parte de minhas palavras

beijo

Bípede Falante disse...

Tudo o que a gente quer é entrega quando há encontro :)
Beijo.
BF

nydia bonetti disse...

Amei teu mínimo, Dade. Um ritmo que me leva... Lindo. beijo!

Ianê Mello disse...

Que lido de tão singelo! Leve...
Bjs.