quarta-feira, julho 20, 2011

Casa

Foto Roy Decarava.


Procuro minha casa
morando em todas as casas do mundo.
Contemplo o mar de todas as janelas
e a vida dos armários
em busca de segredos escondidos.

Passeio nas varandas
nas paisagens
com os olhos curiosos de um herdeiro.

Existe em cada casa um ser incerto
que já se foi e ficou
rondando as sombras
durando paralelo
como um perfume
um voo
fotografado e preso na gaveta.

E numa tarde
à luz de uma vidraça contra o vento
se alguém disser – lembra dele?
o ausente convocado será
por um momento
pleno como um coração que bate forte.

10 comentários:

Lara Amaral disse...

Arrepiei!

Toda casa é viva, repleta de seus seres mortos.

Beijo.

MIRZE disse...

DADE!

Fantástico "os olhos curiosos de um herdeiro" e todo o poema, claro!

Beijos, querida!

Mirze

Assis Freitas disse...

a casa que me habita é só rasgo de memória,

beijo

Marcantonio disse...

"Passeio nas varandas
nas paisagens
com os olhos curiosos de um herdeiro."

Formidável isso! Define tão bem esses misteriosos vínculos de identidade que nos une a tanta coisa que "desconhecemos".

Um poema e tanto!

Beijo, Dade.

Ps: E que foto, hein?!

Evanir disse...

Estamos distantes e ao mesmo tempo tão perto..
A amizade
que nos une pode vencer todas as distâncias.
Ela sim é mais forte que o tempo.
No decorrer da nossa existencia se vacilamos
em alguma coisa.
Seus verdadeiros amigos estão ali sempre
a seu lado mesmo se o Mundo conspire
contra você.
Hoje quero deixar um abraço através dessa telinha e dizer
te amo linda amizade por tudo que representa na minha vida.
Um beijo carinhoso,Evanir.
Tem o presente na postagem.
Amigos Para Sempre.

Ivan disse...

Casa é um tema tão rico, tão inspirador, a começar pela nossa própria!

Beijos

Milene R. F. S. disse...

Em toda casa, em todas as paredes e mesmo em todas as paisagens a presença e a lembrança de nossos momentos fica para sempre, como peças de um quebra cabeça que nos constitui. Lindo poema Dade, beijos!

Márcia disse...

"Olhos de herdeiro" para avaliar a casa do momento. Belo belo.

Beijos, querida Dade.

Suzana Martins disse...

Uau....

Há vida nas linhas da casa...

Beijos

Mariana Agis disse...

Muito bonito